MERCEARIA SILVA

MERCEARIA SILVA
PUBLICIDADE

CHOPERIA RAMON

CHOPERIA RAMON
TIMBIRAS DA SORTE

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

VAI COMEÇAR NESTE FIM DE SEMANA O TORNEIO DE ACESSO AO PELADÃO 2018.

A competição mais charmosa de Timbiras vai ter inicio já neste sábado dia 13 de janeiro com oito jogos, quatro pela manhã e mais quatro a tarde. E a novidade do torneio de acesso deste ano é a presença da multi campeã PONTE PRETA, pois é, a Macaca que caiu pela primeira vez em sua historia em 2016, vai tentar voltar a elite do Peladão neste ano, e para isso vai ter logo de cara uma pedreira o Vila Andrade no primeiro jogo da tarde deste sábado (13), quem perder da adeus ao sonho, a Ponte que é a maior detentora de títulos com (08) oito no total, vai com tudo pra cima do Vila. Já o Vila Andrade que vem tentando subir pela primeira vez, vai vir com novidades no gol, o veterano e experiente goleiro de 38 anos o Silvio Ramon, que já subiu duas equipe no acesso dentre uma delas o Anjo da Guarda em 2005 que foi campeão no ano seguinte da primeira divisão, naquela oportunidade o goleiro não disputou a elite pois teve que jogar no outro time o da equipe de rádio esportiva. Mas as ultimas noticias é que o goleirão talvez nem venha estrear pois se machucou no treino tático na ultima segunda-feira na Toca do Coelho, a direção do Vila já contratou o arqueiro Jeovár para uma possível atuação, caso Ramon não possa atuar.

A competição será realizada na Toca do Coelho, campo do empresario Bebeto Coelho que está à disposição da prefeitura municipal.

Serão 24 equipes buscando as duas vagas de acesso ao torneio, e dentre elas muitos nomes estranho e engraçados como por exemplo: BEBI FÁCIL, TREZE DE MAIO, UTAC,  CÔMBRIU E  SÓ A NATA.

Outra equipe campeã do Peladão que vai disputar o acesso, é o time do CAJUEIRO, que já foi duas vezes campeão da elite (1992/2004). Olaria e Sete Casas também vão tentar retornar a elite este ano.

VEJA OS JOGOS E OS TIMES QUE VÃO BRIGAR PARA SUBIR ESTE ANO NO PELADÃO:



ACESSO AO XXXI TORNEIO DE PELADA “HUMBERTO CARLOS DE SOUSA “PELADÃO /2018

TABELA:

1ª RODADA
SÁBADO PELA MANHÃ
JOGOS
DATAS
EQUIPES



EQUIPES
LOCAL
HORÁRIOS
1º JOGO
13/01/2018
V. REDONDA

X

JUVENTUS
T. DO COELHO
08:00 HORAS
2º JOGO
13/01/2018
REAL LEAL

x

BEBI FACIL
T. DO COELHO
08:45 HORAS
3º JOGO
13/01/2018
PAISSANDU

X

TREZE DE MAIO
T. DO COELHO
09:30 HORAS
4º JOGO
13/01/2018
CHAPECOENSE

X

UTAC
T. DO COELHO
10:15 HORA

SÁBADO A TARDE
JOGOS
DATAS
EQUIPES



EQUIPES
LOCAL
HORÁRIOS
1º JOGO
13/01/2018
V.  ANDRADE

X

PONTE PRETA
T DO COELHO
14:00 HORAS
2º JOGO
13/01/2018
FLAMENGO

x

CÔMBRIU
T DO COELHO
14:45 HORAS
3º JOGO
13/01/2018
CAJUEIRO

X

ESPORTE
T DO COELHO
15:30 HORAS
4º JOGO
13/01/2018
N. HORIZONTE

X

SETE CASAS
T DO COELHO
16:15 HORAS

DOMINGO PELA MANHÃ
JOGOS
DATAS
EQUIPES



EQUIPES
LOCAL
HORÁRIOS
1º JOGO
14/01/2018
BONSUCESSO

X

SANTA CRUZ
T DO COELHO
08:00 HORAS
2º JOGO
14/01/2018
FORÇA JOVEM

x

TIMBIRENSE
T DO COELHO
08:45 HORAS
3º JOGO
14/01/2018
SÓ A NATA

X

JUVENTUDE
T DO COELHO
09:30 HORAS
4º JOGO
14/01/2018
SAMPAIO

X

OLARIA
T DO COELHO
10:15 HORA




REGULAMENTO GERAL



CAP. I - DA PARTICIPAÇÃO


Artigo 1º - Só poderão participar do evento, AGREMIAÇÕES futebolísticas de Timbiras-MA, maiores de 16 (dezesseis) anos, nascidos até 1998.

Artigo 2º - As equipes serão formadas por meio de sorteio direcionado (conforme ficha de inscrição,

Artigo 3º - Nenhum atleta poderá participar representando mais de uma equipe, mesmo em fases diferentes do torneio.

§ ÚNICO: O atleta, que assinar em mais de uma equipe estará automaticamente eliminado do torneio de Acesso Humberto Carlos de Sousa.

CAP. II - DAS INSCRIÇÕES DOS ATLETAS

Artigo 4º- As inscrições deverão ser feitas por meio da Secretária de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte, no horário de 08:00hs à 12:00hs, de segunda a sexta-feira, até 00/00/17 ou no dia do congresso técnico.. As vagas são ilimitadas,
sendo assim, a organização poderá suspender a qualquer momento as inscrições, caso seja necessário.

§ ÚNICO - A comissão organizadora poderá, a seu critério, encerrar ou prorrogar o período de inscrição.

Artigo 5º - A inscrição de atletas, será solicitada por meio de formulários próprios, assinados pelo responsável associado à agremiação esportiva.

§ PRIMEIRO: Não será permitida a participação de atletas que participaram da primeira divisão ou que tenha assinado a ficha de inscrição do Torneio Humberto Carlos de Sousa Peladão 2017 mesmo que não tenha jogado nenhuma partida.

§ SEGUNDO: Os times que subirem para a 1º divisão do Torneio Humberto Carlos de Sousa – Peladão 2018 não será permitida a participação de seus atletas (jogadores) em outras agremiações futebolísticas no referido torneio.

Artigo 6º - Cada equipe poderá contar com um mínimo de 11 (onze) e um máximo de 17 (dezessete) Jogadores.
.
Artigo 7º - O capitão ou representante é o responsável pela equipe durante a realização de todo o evento. As comunicações ou informações divulgadas pela Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte deverão ser repassadas aos jogadores, pelos representantes. A Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte não se responsabiliza por atitudes inadequadas do representante, pois este é o elo de comunicação da equipe com os organizadores do evento.

Artigo 8º - As equipes serão consideradas cientes das normas contidas no Regulamento Geral e das decisões aprovadas pela Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, mesmo que dele não participem. As decisões aprovadas deverão ser respeitadas por todos os inscritos.

§ ÚNICO: Será permitida a substituição de atletas (por qualquer motivo que seja) durante qualquer fase do TORNEIO, deste que o atleta não jogue.

Artigo 9º: O atleta que assinar em duas agremiações e jogar por das equipes, a mesma perdera os pontos e será eliminada do torneio.

CAP.III - DA COMPETIÇÃO

Artigo 10º - Cabe a Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte, organizar e dirigir a competição, devendo indicar a data, hora e local dos jogos, tendo autonomia para antecipar, adiar ou cancelar qualquer jogo.

Artigo 11º - A Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte poderá exigir apresentação de documento de identidade (com foto e assinatura), de cada atleta.

§ÚNICO: O atleta que não for identificado pelo organização não poderá participar da
partida.

Artigo 12º - As equipes ao serem chamadas pelo árbitro, deverão estar devidamente uniformizadas de forma padrão (com calção sem bolso) e com a presença registrada em súmula.

Artigo 13º - Os jogos terão duração de 40 (quarenta) minutos, divididos em 02 (dois) tempos de 20 (vinte) minutos e com intervalos de 2(dois) minutos. O horário de início será conforme a tabela de jogos havendo tolerância de 05 (cinco) minutos para o PRIMEIRO JOGO DA RODADA. Caso não aconteça o primeiro jogo, o segundo jogo começará 30 (trinta) após o horário da primeira partida e assim subseqüente .

§ ÚNICO: Os jogos terão apenas um árbitro em cada partida, conseqüentemente não haverá impedimento.

Artigo 15º -A equipe que não se apresentar devidamente uniformizada dentro do horário previsto, ou comparecer com número inferior de (05) jogadores permitido pela regra, será considerada ausente, passando o seu adversário a ser declarado vencedor por W x 0.

Artigo 16º - O W x 0 equivale a 03 (três) pontos para equipe que comparecer e pelo placar de 3 x 0.

Artigo 17º - A equipe que cometer o abandono de campo, caracterizando número insuficiente de jogadores antes do término da partida perderá os pontos do jogo, independente do tempo de jogo disputado.

§ ÚNICO – Considera-se número insuficiente de jogadores toda a equipe que apresentar menos de (05) jogadores dentro de campo, transcorrer do jogo a equipe que se apresentar por qualquer motivo com número insuficiente de jogadores será declarada perdedora da partida, independente do tempo de jogo disputado.

Artigo 18º - O responsáveis pela equipe perante os organizadores fica ciente que qualquer recurso ou solicitação deverá ser feito por escrito (documentado) e entregue pessoalmente à Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte até terça-feira, após o fato ocorrido seguindo os horários de expediente da Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte. O Setor de Esportes não receberá recursos fora do horário estipulado no neste regulamento

Artigo 19º - A Secretaria de Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte na qualidade de organizadores geral do evento, apenas receberá o recurso da equipe diretamente envolvida, assinado por seu representante legal, a partir do fato gerador e em tempo hábil conforme normas estipuladas neste Regulamento Geral, para julgamento do fato ocorrido.

Artigo 20º - Os resultados oficiais e quaisquer informações serão fornecidas aos participantes pela comissão organizadora do evento.

§ ÚNICO - O representantes das equipes participantes receberá o em tempo hábil a programação dos jogos, ficando a equipe responsável pelas consequências da não observância deste artigo, isentando a organização do evento de qualquer informação oficiosa por parte de terceiros.

Artigo 21º - Os árbitros escalados não poderão ser recusados pelas equipes participantes.

Artigo 22º - No transcorrer de todo Torneio, o árbitro é a autoridade que tem total autonomia para dirigir as partidas, segundo as normas vigentes. Os organizadores não têm autonomia para alterar uma decisão arbitral ou interferir no andamento do jogo.

Artigo 21º - Quando um jogo for interrompido por motivo alheio à vontade dos participantes, e aparalisação for inferior a 15 (quinze) minutos, o mesmo terá seqüência normal, mantendo-se os resultados registrados antes da interrupção.

Artigo 22º - Se a interrupção for superior a 16 () minutos o jogo será suspenso, cabendo à comissão a marcação (caso necessário) de nova data e horário para o prosseguimento, de acordo como previsto nas regras oficiais de futebol de campo.

Artigo 23º - Cada vitória vale 03 (três) pontos; empate vale 01 (um) ponto e no caso de derrota a equipe não marcará ponto (zero ponto).  

CAP. IV - DAS PENALIDADES

Artigo 24º - Todos os atletas expulsos (cartão vermelho), sendo o fato registrado em súmula, deverão cumprir suspensão automática e serão julgados pela comissão organizadora caso necessário. A Secretaria Municipal de Juventude e Esporte, Departamento de Esporte comunicará ao representante da equipe a pena aplicada e que deverá ser cumprida pelo jogador.

Artigo 25º - O(s) atleta(s) ou o representante(s) expulso da partida não poderá ficar no banco de reservas.

Artigo 26º - O atleta(s)ou os representantes expulso por agressão à comissão organizadora, ao árbitro, companheiros, adversários, torcedores, práticas de atos ou gestos indecorosos, de acordo com registro em súmula, será automaticamente ELIMINADO.da competição, estando ainda sujeito a punições administrativas por parte da organização.

Artigo 27º - O torneio terá a Comissão organizadora (disciplinar) como agente auxiliar nos processos disciplinares, tendo como objetivo orientar a Diretoria Executiva perante o julgamento dos atletas que cometerem atitudes antidesportivas.
.

ART. 29º - O árbitro tem autoridade de expulsar qualquer atleta ou dirigente que vier a proceder de forma antidesportiva até o começo do jogo seguinte (vinte e quatro) horas após o jogo.


ART. 30º - Os Cartões Amarelos e Vermelhos apresentados em partidas que venham a ser interrompida serão considerados para todos os efeitos legais. Mesmo que venha ser marcada uma nova partida o atleta não poderá participar da mesma e cumprirá uma partida automática e cabendo a julgamento se necessário.

ART. 44º - O atleta que vier a ser expulso (cartão vermelho) de um jogo estará suspenso automaticamente do próximo jogo, independente das penas que vier a ser aplicada pela Comissão Disciplinar.

ART. 45º - O atleta que vier a ter 02 (dois) cartões amarelos será suspenso automaticamente do próximo jogo sendo acumulativos para todas as fases.

Iparagrafo unico- É proibido aos jogadores durante a realização das partidas, utilizar: brincos, piercing, anéis, correntes, e qualquer outro objeto da mesma natureza, que possa comprometer a integridade física dos demais atletas.


CAP. V - FORMA DE DISPUTA

Artigo 39º - A fase classificatória das disputa das agremiações futebolísticas será no mata/mata.

Artigo 40º - Subirá para a primeira divisão do Torneio Humberto Carlos de Sousa – Peladão 2018 as duas equipes finalistas.

Artigo 41º - O atleta que for expulso na final do Torneio de Acesso Humberto Carlos de Sousa não jogará o primeiro jogo da primeira rodada do Torneio Humberto Carlos de Sousa – Peladão 2018.

Artigo 42º - Caso haja na disputa um número impar de agremiações participantes, o critério de avaliação para cumprir a tabela de jogos será a escolha de melhor perdedor.

Paragrafo primeiro – Melhor perdedor será a agremiação futebolística participante que sofrer menos gols.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Pages